Mantem o exercício físico quando muda de país ?

Rute Janeiro

Quando se muda de país para além de todas as mudanças implícitas tem que se ter em conta a nossa própria predisposição para manter a prática de exercício físico e a manutenção de uma vida saudável.

Será que sempre se consegue? 

O meu lado atleta

Iniciei a minha carreira gímnica aos 10 anos de idade e praticava duas vezes por semana. A paixão pela arte da ginástica rítmica de representação levou-me a sítios incríveis onde tive a oportunidade de conhecer um pouco do nosso Portugal de Norte a Sul do País. Praticávamos três vezes por semana e efectuávamos saraus aos fins de semana. Mais tarde, tornámos-nos  atletas federadas (FPG) e participamos em várias representações europeias através da Gymnaestrada com início no ano de 1991 e que se mantém até hoje. 

A paixão pelo exercício físico aliada à permanente socialização com amigas/os de longa data e a curiosidade pelas demonstrações além fronteiras levaram a maior parte de nós a manter esta rotina física até aos tempos de universidade. 

Como eu mantenho o exercício fisico

Quando me mudei para Nova Iorque lembro me que a primeira coisa que fiz foi inscrever-me no ginásio local e manter a rotina ou pelo menos alguma rotina. Lembro me que o meu corpo pedia actividade física sempre à mesma hora mas os desafios do inverno e o facto de ser escuro as 4 da tarde tornava a rotina mais difícil.

Apesar da vida de hoje ser totalmente diferente e tendo em consideração a gestação da casa, da profissão e as actividades dos nossos próprios filhos continuo a esforçar-me para  praticar exercício físico e manter a chama viva por uma practica que tanto me caracteriza. Hoje em dia optando por aulas diferentes tais como zumba, yoga, pilates ou cycle. E vocês? Como mantém a vossa actividade física? 

Lê também:

Um comentário em “Mantem o exercício físico quando muda de país ?

Adicione o seu

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Subir ↑

%d bloggers like this: