fbpx

Adolescentes Sem Fronteiras

Sara Gomes

Amo falar de adolescentes sem fronteiras e desta vida de casa às costa e do que é escolha e do que é imposição.  Não pretendo de forma alguma influenciar ninguém, ou mesmo atingir  consenso com o que vou escrever, apenas vou relatar a minha vivência primeiro como adolescente e depois como mãe de adolescentes. Este... Ler mais →

Equivalências Académicas

Joana Barbosa

O assunto das equivalências académicas veio à baila no grupo do WhatsApp dos participantes desta plataforma e resolvemos partilhar alguns trechos das mensagens envidadas. Quando perguntei como foi com as equivalência a resposta foi: Equivalências académicas, "Não há sempre! Depende da licenciatura. Também depende muito das ocasiões." Esta foi uma opinião geral. Também referiram que... Ler mais →

Educação na Holanda: uma estrutura complexa

Sara Gomes

A educação é obrigatória na Holanda dos cinco aos 16 anos. No entanto, a maioria das crianças começa a frequentar a escola primária aos quatro anos. Embora a estrutura da educação primária na Holanda seja simples, a estrutura do sistema de educação secundária holandesa é bastante confusa por causa dos vários “caminhos”. O sistema escolar... Ler mais →

Compras na Holanda

Patrícia Pereira

Quando cheguei a Amsterdão deixei as malas no Airbnb onde ia ficar na primeira semana, e perguntei-me onde poderia ir às compras na Holanda. A dona do Airbnb informou-me que havia um Jumbo …era só ir em frente. (Não é o “nosso” Jumbo…é um com letras amarelas….)Fui lá, a apreciar a novidade de tudo… andei... Ler mais →

Porquê Haarlem?

Sara Gomes

Portuguesa, nascida em Portugal, vivi grande parte da minha vida em Macau e, neste momento, estou há quase quatro anos a viver nos Paises Baixos. Mais precisamente em Haarlem.Viémos por um desafio da empresa onde trabalhava o meu marido. Eresolvemos aceitar esta aventura, visto ter sido sempre nossa vontadeproporcionar uma experiencia internacional aos miudos, e... Ler mais →

Do que sinto falta

Patrícia Pereira

Quando saímos do nosso cantinho, do que sentimos falta? Além da família e dos amigos? Sinto falta duma bica com pastel de nata, o café da esquina, frango assado, sal marinho, umas amêijoas à Bulhão Pato e peixe assado na brasa. Chapéus de chocolate Regina, farinheira e alheira, grelos…e pescada congelada. O sol a bater... Ler mais →

Subir ↑