A Gastronomia Queniana

Tessy Gomes

Portugueses, os comilões!

Agora que se estão a aproximar as épocas festivas, acho que não há melhor altura para vos falar sobre a gastronomia queniana. 

Já estou a imaginar as mesas tipicamente portuguesas cheias de comidas tradicionais e doces. Passar o dia a comer e beber, que quase se passa mal. 

Bem, esqueçam, por cá não é assim! Não quero com isto dizer que se come mal, mas come-se menos. Uma confidência, os quenianos não entendem o porquê de os portugueses comerem tanto e se nos juntarmos para algum convívio o porquê de passarmos o dia a comer ou petiscar. Eu também não sei explicar, mas a verdade é que adoro comer.

Comida típica queniana

Eu gosto bastante da gastronomia queniana. Com influência suaíli, indiana e muçulmana, cada região tem a sua forma de cozinhar. 

Voltei a gostar de arroz, mas atenção que tudo leva uma quantia exagerada de açúcar e coentros, o que não é para o meu paladar. Para quem é vegan ou quer cortar nos doces, vieram parar a um bom país. 

A Gastronomia Queniana

Entenda-se que a base alimentar queniana é de farinhas, grãos, ovos, óleo, leite, tomates, coentros e açúcar de cana. Isto porque é o que a terra dá e o mais acessível para todas as camadas sociais.

Nunca esquecer que toda a comida é servida em pratos, plásticos, de sopa e come-se com colher ou com as mãos. Não há guardanapos e os copos de água têm de ser pedidos. No fim da refeição, lavar as mãos.

Partilho convosco a gastronomia local que tanto vão encontrar num Hotel, na rua, como em casas familiares. Por cá há um Hotel, é um restaurante local. Não se deixem enganar como eu, que achei estranho haver tantos hotéis numa favela, até ter entrado num.

Ementa:Preparação:
Porridge Água fervida com farinha de sorgo e açúcar
ChapatiFarinha, água, óleo, sal e açúcar, e é servido como acompanhamento. Algumas pessoas adicionam cenoura ralada. Tem o formato do pão indiano, mas este é frito num pouco de óleo.
MandaziFarinha, fermento, leite, ovos, açúcar, manteiga, sal e óleo para fritar. É o único doce tradicional queniano
ArrozBranco, servido como acompanhamento
Feijao vermelhorefogado 
GitheriFeijão vermelho refogado com milho 
Couve (coração de boi)Salteada com cenoura
BifeRefogado e pode se comprar só o molho 
Matoke Banana verde refogada
NdenguParecido à lentilha, oval, verde e carnudo. Refogado e há quem o esmague antes de servir.
UgaliÁgua fervida e farinha de milho branca, mistura-se ate se obter uma forma de bolo. É servido como acompanhamento
KachumbariSalada de tomate com cebola, sal e coentros
Sukuma Wiki  – Couve caldo verdeSalteada
Kunde – Couve caldo verde mais ácidaFervida primeiro e depois salteada
Omena – Micro carapauzinho fritoFervido várias vezes em diferentes águas e depois é refogado
OmeleteOvos mexidos com cebola e tomate 
MukimoPuré de batata, ervilhas e espinafres ou a flor de abóbora 
PilauArroz com cubos de bife refogado e especiarias pilau massala. Da especiaria é que provem o nome e o sabor.
Mduma – MandiocaCozida e come-se ao pequeno-almoço
Viazi tamu – Batata doceCozida e come-se ao pequeno almoço
Nyama ChomaCarne grelhada com salada de tomate
TilapiaFrita ou refogada
Carne de porcoCozinhada de todas as formas, mas raramente é comida por ser cara
Cabra Cozinhada de todas as formas, mas só em ocasiões especiais como o Natal ou Páscoa
Matumbo Tripa / estômago de vaca frita ou refogada 
Fígado Refogado ou frito
Chá inglêsLeite fervido com chá queniano (preto) e umas 3/4 colheres de sopa de açúcar.
Comida de rua:Preparação:
Ovos cozidos com smokies e kachumbariOvos cozidos, salsichas pequenas (parecem plastificadas) fritas e salada de tomate
SamosasRecheadas de carne de bife, ndengu ou de batata e sempre com coentros
BhajiaBatatas cortadas as rodelas envolvidas em especiarias e farinha e depois fritas
Chips masalaBatatas fritas envolvidas num refogado de tomate, coentros e especiarias 
Batatas fritasBatatas fritas normais
Mahindi – MilhoEspiga de milho grelhada 
Kuku – FrangoAssado e compra-se somente a parte que se quer comer
MturaIntestino de vaca recheado com carne de vaca e grelhado
Barracas de frutaPudim – Salada de frutaManga com chili em pó Sumos naturaisAbacate
Njugu – AmendoinsQualquer vendedor ambulante vende amendoim torrado em pequenos sacos
Miwa – Cana de açúcarCortada em pedaços e é mastiga. Os fios não comestíveis deitam-se fora. Também se faz sumo.
Bebida:
RefrigeranteTodas as marcas, tem açúcar e é mais barato que a água
TuskerCerveja nacional
ChangaaComo a nossa aguardente, fácil de encontrar nas favelas e é ilegal

Se viajarem até à costa queniana, muitas destas refeições levam coco e ainda mais especiarias. Também, vão encontrar muito marisco e peixe, barato, e que infelizmente não é consumido em Nairobi ou noutras partes do Quénia. O mandazi passa a chamar-se Mahamri e é muito maior. Biriawani  é arroz colorido com frango ou bife refogado.

Se tiverem curiosidade, pesquisem e encontram as delícias da cá e quem sabe podem experimentar fazer em casa. 

Lê também:

Um comentário em “A Gastronomia Queniana

Adicione o seu

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Subir ↑

%d bloggers like this: