Mudança em Familia

Em 2008, quando mudámos para a Suíça, já sabíamos que não seria o lugar onde iríamos viver “para sempre”. Nesta opção de vida sabe-se que o tempo é determinado. 3 a 5 anos é o período que em média dura cada deslocação/colocação.

Estávamos há quase 4 anos na Suíça, queríamos e sabíamos que a mudança seria para breve.

Olhando para os primeiros 3 anos, avalio a nossa primeira paragem como muito positiva! Toda a família estava integrada – a escola, a casa, trabalho e o laser eram rotinas saboreadas e bem vividas, em família.

Entravámos no 4 ano, um ano estável, a viver dos frutos colhidos. A navegar em águas calmas sem pressa nem preocupação. E é nesta altura que surge a oportunidade de nos mudarmos para Sydney! Pensamos ser algo irrecusável! Ainda nos perguntámos, ficamos por aqui?!…Australia!!??? Temos de aceitar, somos uns sortudos!

Mas como iríamos dar a novidade ao João? O João tinha 10 anos na altura. Quando chegou à Suíça só falava português. Já era a segunda escola que frequentava no novo pais, da qual gostava imenso. Falava perfeitamente francês e avançava a bons passos no inglês.

Tive a ideia de faze-lo pensar que quem escolheria o próximo destino seria ele. Numa tarde depois de chegarem da escola, sentei-me na sua secretária com o mapa mundo a frente e disse-lhe: ”Joao! Jásabes que o pai em breve terá de mudar de país. Onde gostavas de ir viver?”

”Lisboa”, respondeu o João prontamente.

”Já sabes que para Lisboa ainda não.” Adverti

”Então gostava de viver muito perto do mar…e onde se fale francês ou inglês.” Acrescentou

Comecei a ficar nervosa, sentia o coração a bater muito rápido e a sentir uma certa ansiedade …o que ele iria dizer agora? Com algumas desculpas descartei a África e os Estado Unidos.

Foi nesse instante que olhou para o mapa e disse: “ SYDNEY!!! O país do peixinho Nemo”

Senti um alívio profundo, uma alegria que me rasgou o sorriso. Apenas respondi. “Quando o pai chegar perguntamos-lhe o que ele acha da tua escolha. Pode ser?”

Em poucos meses iríamos começar uma nova aventura.

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Subir ↑

%d bloggers like this: