fbpx

Educação na Holanda: uma estrutura complexa

A educação é obrigatória na Holanda dos cinco aos 16 anos. No entanto, a maioria das crianças começa a frequentar a escola primária aos quatro anos. Embora a estrutura da educação primária na Holanda seja simples, a estrutura do sistema de educação secundária holandesa é bastante confusa por causa dos vários “caminhos”.

O sistema escolar

Creche

  • em holandês: kinderopvang, kinderdagverblijf, peuterspeelzaal
  • Toda esta oferta é privada com apoio do estado.
  • Até os cinco anos de idade, os bebés e crianças pequenas podem frequentar uma variedade de opções educativas não obrigatórias que variam pela oferta de dias, horas etc.
  • Os pais/cuidadores ou parentes optam muitas vezes por ficar com elas em casa, não só por ser uma opção mais em conta como a estrutura da sociedade assim o permite.
Educação na Holanda: uma estrutura complexa

Educação primária

A escola elementar ou primária tem oito anos, conhecidas como grupos, que vão do Grupo 1 (4 anos) ao Grupo 8 (12 anos). Não é obrigatório frequentar a escola primária até o Grupo 2, ( cinco anos) mas a maioria das crianças
começa no Grupo 1 aos quatro anos. Os alunos frequentam a escola primária durante oito anos, até os 12. Neste período adquirem habilidades básicas como leitura, escrita e aritmética, alguma história e geografia.

Muitas crianças também começam a aprender inglês quando chegam ao Grupo 7, e até antes disso. A educação primária e secundária na Holanda é caracterizada pela defesa da educação gratuita. Isto significa que a maioria das escolhas educativas são financiadas pelo governo e que diferentes filosofias pedagógicas são incentivadas.

O sistema também é definido pela divisão, com o objetivo de adequar o ensino às necessidades do aluno, seja o tipo de escola que frequenta ou o curso específico que o aluno segue no ensino secundário.

Educação Secundária

As escolas secundárias holandesas são divididas em três variantes:

  • uma para preparar os alunos para o treino vocacional (VMBO),
  • outra para preparar os alunos para a universidade (VWO)
  • uma para preparar os alunos para estudar nas universidades de ciências aplicadas, os nossos politécnicos (HAVO).

Este é um tema que dará um outro texto, pois é um mundo!

Tipos de escola

As escolas primárias e secundárias holandesas são divididas em duas categorias:

Escolas públicas (Openbaar)

As escolas públicas ou regulares não têm afiliação religiosa ou filosófica e são administradas pelo governo.

Escolas especiais (Bijzondere)

As escolas especiais são operadas de forma independente e baseadas numa religião ou filosofia educacional específica. Os tipos mais comuns incluem as escolas religiosas, Montessori, Waldorf/Steiner (Escola Livre Vrije school), Dalton, Jenaplan e escolas internacionais com apoio do estado que têm critérios de admissão próprios.

As Escolas Internacionais como as conhecemos em Portugal são privadas.

As férias escolares holandesas

A Holanda está dividida em três regiões de férias escolares, onde as datas são escalonadas para evitar a correria aos aeroportos. Alguns períodos de férias são obrigatórios e definidos pelo governo, enquanto outros são mais flexíveis, podendo as escolas definir as suas próprias datas.

A educação na Holanda é financiada pelo governo e, portanto, em grande parte gratuita. No entanto, algumas escolas podem solicitar uma contribuição voluntária para cobrir atividades extracurriculares, enquanto as escolas particulares cobram mensalidades.

O meu filho está prestes a começar a educação primária. E agora?

Se se acabaram de mudar para cá com um filho de 4 anos e se estão a perguntar como integrar o sistema educativo Holandês ou se estás apenas curioso/a para saber como a escola primária se compara ao ensino portuguesa, este artigo já cobre o básico. Mas este tópico é, realmente, um mundo por descobrir.


Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Subir ↑

%d bloggers like this: