fbpx

Creche na Suíça

Quando me dirigi à creche, por nós escolhida para o nosso filho, deparei-me com outro choque cultural! A lista de espera era enorme, e para acrescentar a isso o tipo de lista não é “first in, first served”! Aqui a prioridade é para as crianças cujos dois pais estejam a trabalhar! Se um dos pais... Ler mais →

A conjuntura

Encontrava-me a trabalhar numa consultora/auditora e o meu marido numa multinacional sedeada em Alverca. O meu marido sempre teve o desejo de ter uma experiência profissional fora de Portugal. Eu por outro lado, nunca me passou pela cabeça sair do meu país, sair de perto da minha família e amigos, principalmente, sair da minha zona... Ler mais →

A Escola

Aqui a escola é obrigatória a partir dos 4 anos, a escola pública é gratuita e os pais não têm que comprar qualquer material escolar. Uma realidade bem diferente da nossa. No entanto, para quem tem ambos os pais a trabalhar, a escola pública é um “inferno” em termos de horários, pois quando eles são... Ler mais →

E se por Magia pudesse voltar atrás?

Não me arrependo nada desta nossa decisão. Esta experiência de vida fez-me crescer como pessoa, percebi que tenho uma força enorme e que não desisto ao primeiro obstáculo. Aprendi, que a famíia é um pilar importante na nossa vida. Estou feliz porque os meus filhos estão bem e estão satisfeitos, tanto aqui como em Portugal.... Ler mais →

De novo no mercado de trabalho

 De forma a que a prioridade do meu filho na entrada na creche aumentasse, inscrevi-me no fundo de desemprego, a chômage, pois era a maneira de ter a prova que procurava emprego activamente. Na Suiça, quando se está inscrito no fundo de desemprego é se obrigado a ir a reuniões, marcadas com alguma regularidade. No fundo... Ler mais →

Gravidez na Suíça

Duas semanas após a decisão de mudar de país descobri que estava grávida do meu primeiro filho. Tudo me passou pela cabeça, como é que eu vou ter um filho longe de Portugal, como é que funciona o sistema de saúde na Suiça, como será o acompanhamento da minha gravidez. Todas essas dúvidas surgiram mas... Ler mais →

Emprego

Pois é, a Suiça não é um mar de rosas para se arranjar emprego. Aqui funciona muito o networking, por exemplo, frequentei aqui um programa que se chama IDCN (http://www.idcn.info). Este é um programa direcionado para os maridos/esposas de colaboradores das multinacionais, que fazem parte deste programa, que são expatriados para a suiça ou que... Ler mais →

O Dia

O dia da despedida foi um momento intenso.  A sensação de saírmos do nosso país e sabermos que não é um por um período de férias é muito estranha! Há um sentimento desconfortável por deixarmos o nosso porto de abrigo.  Depois da viagem de avião, já no comboio para Lausanne, recordo-me do meu marido me... Ler mais →

Subir ↑