fbpx

A dúvida do Natal para os emigrantes em tempo de pandemia

A incerteza do Natal para os emigrantes é algo que nunca tínhamos esperado viver. O Natal é já para a semana! E para muitos dos emigrantes, como eu, esta é uma das épocas mais ansiadas do ano. Este ano, apesar de tudo o que vivemos, não deixa de ser diferente.

Dúvidas iniciais, ir ou ficar neste Natal

Houve imensas questões e dúvidas sobre o ir ou não ir. Vivo em Doncaster, pertencente ao condado de South Yorkshire, mesmo no centro de Inglaterra e é um excelente ponto de partida para explorar o país.

Durante Novembro, aqui pelo Reino Unido, estiveram proibidas todas as viagens de lazer. A situação atual, tão instável e sempre com novas regras a serem deitadas cá para fora, voos cancelado e a quarentena obrigatória  no regresso, fez-nos pensar um muito sobre o que fazer para a semana, e acredito que esta incerteza de Natal para os emigrantes tenha sido sentida por todo o mundo.

Nunca passei o Natal fora. Sou uma felizarda por ser self employed, o que me permite gerir os meus dias de férias à minha medida. E se, por um lado, como profissional de saúde estou “mais exposta”, por outro o nível de limpeza/ desinfeção e equipamentos de proteção agora usados deixam-me mais segura do que alguma vez me senti.

No ano de 2020 o Natal para os emigrantes tem sempre associado o teste PCR.

Tal como fiz no Verão, não estou com algumas pessoas mais vulneráveis da família sem um resultado negativo do PCR, mais por descargo de consciência que outra coisa. De resto, como em tudo neste momento, há apenas que imperar o bom senso. Cumprir e respeitar as regras e os outros não é (ou não devia ser), assim tão complicado.

Como ainda não há  filhos , uma viagem a dois, com zaragatoas e afins pelo meio, não se torna tão complicada de gerir. 

Viagem de Carro

Pela primeira vez, decidimos aventurar-nos a fazer a viagem de carro. Os aeroportos estão, por norma, mais confusos nesta época do ano, os voos caríssimos e cheios e com muitas alterações. Como tal, consideramos esta opção, que encarámos como uma pequena aventura.

Não esquecer alguns cuidados a ter na preparação do carro para a viagem.

Aguardam-nos 2295 km e 23 horas de viagem, de Doncaster ao Porto.

A dúvida do Natal para os emigrantes em tempo de pandemia

A musica “Driving home for Christmas” nunca me fez tanto sentido…

Leia ainda:

Sobre Inglaterra

De Carro em Inglaterra

Um comentário em “A dúvida do Natal para os emigrantes em tempo de pandemia

Adicione o seu

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Subir ↑

%d bloggers like this: